Monday, May 26, 2008

É um pássaro, um avião?

...Não, é um FO!
Pois é, finalmente resolvi ser disciplinada e dedicar-me a um trabalho de cada vez. Como já referi em posts anteriores, andava de volta de uma boina Urchin, a seguir o exemplo da Celina e da Mónica.

Usei uma linha que comprei na Brancal (agora não me lembro do nome) porque queria uma linha que tivesse uma textura semelhante à do modelo original e também porque, infelizmente, não consigo ter acesso a linhas da Rosários 4 onde moro, o que é uma pena porque as da linha Tentação são realmente bonitas.(Já agora, alguém sabe se a Spa Tricot as tem?).

Tive bastantes precalços. Da primeira vez, e embora tenha feito o tamanho maior (com uma cabeça de 60 cm de circunferência não se brinca!) e usado agulhas nº 7 nem consegui que passasse pela cabeça. Desfiz e recomecei o trabalho, desta vez com agulhas um tamanho acima, o que também não foi boa ideia, porque desta vez ficou grande demais. Entretanto, enquanto estava a fazer esta apercebi-me que da primeira vez tinha feito um wedge a menos,assim recomecei de novo, como da primeira vez e fiz a parte que faltava.

Ficou muito bem e dá-me um certo ar de membro da resistência francesa,o que me agrada bastante, hehe ;) ainda não sei bem é quais são as formas de a usar, eu uso-a para trás e para o lado,direita não fica bem, alguém tem ideias?

Aqui está ela, em todo o seu esplendor:



Ainda não tirei nenhuma com ela posta, falta de paciência, mas assim que tirar, ponho-a aqui:)

No último encontro, aproveitei para dar à Mónica o projecto que me tem mentido ocupada (e silenciosa) nos últimos tempos: umas botinhas e um casaquinho em verde água. Ironicamente, descobri que a Mónica ia ter um menino pouco antes de concluir o casaco, mas ela adorou a côr :). Para as botinhas utilize esta receita, com uma pequena alteração. Fiz uma das correntes para apertar os lacinhos, mas acabei por as fazer sem o laço. Para o casaquinho usei este esquema, mas em ponto liga. Fiquei muito satisfeita com o resultado e foi a minha primeira incursão em tricots de bebé, mal posso esperar para fazer roupinhas para os meus futiros pimpolhos!

O marido da Mónica, a servir de modelo:

5 comments:

Celina said...

Que bonito o casaquinho e as botinhas! Que habilidosa!
Olha, gostei muito da tua versão da Urchin mas gostava de vê-la "em acção". Eu também uso as boinas mais para um lado e este modelo não parece ser feito para usar a direito, de facto.
Achei graça às tuas peripécias de fazer e desfazer, apesar de na altura nunca ter muita graça... ;) Fico contente por ver que já estás operacional!
Beijinhos

Laura said...

Olá Celina! Até me fizeste corar com o elogio, muito obrigada! Espero um dia vir a ser tão boa tricotadeira como tu :)

Mamã Martinho said...

És muito modesta Laura! Apesar de não te aperceberes és um optima tricotadeira, e isso pude eu verificar pela perfeição do fatinho do Henrique. Todos a quem mostrei adoraram! A boina parece que ficou um espetáculo! Como já te tiha dito, para traz ou para o lado são sem duvida as melhores opções de usar boinas. Continua assim, dentro em breve terás tosos os teus projectos em mãos terminados!

Bjs

Mónica

PS- Na Amora, quem está na rua principal, vindo da rotunda da ancora a caminho da rotunda do LIDL, tens do lado esquerdo uma rua que sobe para a Igreja velha. Ai do lado direito tens uma retrosaria que vende linhas da Rosários4.

Tany said...

A bóina ficou muito gira e parece que andaste ocupada pelos melhores motivos! Já tinha visto o conjuntinho no blog da Mónica e ficou um espectáculo!

Beijinhos!

Celina said...

Deixei-te um desafio lá no meu blogue ;)
Bjs

P.S. - Espero que esteja tudo bem contigo!